Estamos arrumando a casa...
Enquanto isso acompanhe as mudanças.

ORAR OU REZAR?

14 de mar de 2007

Versículo de Meditação: “E, orando não useis de vãs repetições, como os gentios; porque presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos.” Evangelho de São Mateus 6:7

Certo dia num grupo de pessoas que estava estudando a Bíblia, alguém fez a seguinte pergunta: Qual a diferença e qual é o certo, orar ou rezar? Sabiamente o instrutor respondeu que na realidade, não deveria existir diferença de significado entre as duas palavras. Entretanto, ao longo dos anos, elas passaram a ser usadas de formas diferentes.
Vamos analisar a palavra reza. O verbo rezar passou a ter o significado de uma oração ou frase previamente estabelecida, que deveria ser repetida mecanicamente tantas vezes quantas desejadas ou ordenadas. Com isso, se pleitearia alcançar alguma graça. Esse costume levou à prática das ladainhas, ou seja, das rezas simplesmente mecânicas, repetitivas sem muitas vezes a pessoa que participa não sabe por que está fazendo. E faz por ver os outros fazendo sem nem mesmo saber que sentido tem.
Pode até ser que o costume de rezar tenha surgido inicialmente do fato de Jesus ter ensinado a Seus discípulos a oração modelo, o “Pai Nosso”. No entanto, temos de levar em conta que foi justamente antes de lhes propor a oração modelo que o Mestre os advertiu, dizendo: “E orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos”.
E a oração? Bem, a oração é o ato de uma pessoa dirigir-se a Deus em comunhão com ele, para apresentar-lhe louvor e gratidão, bem como necessidade e pedidos. A oração é uma conversa intima que o cristão faz. Disse Jesus: “Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada à porta, orarás a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará”. Mateus 6:6. Ellen G. White, com palavras simples, porém próprias, escreveu que “a oração é o abrir do coração a Deus como a um amigo”. Esta é definição curta, porém simples e direta.
A oração é a áurea oportunidade que Deus nos dá de conversar e manter com Ele um relacionamento pessoal de amizade. Não existe nenhum conflito entre o conselho de Jesus para não usarmos de vãs repetições, e a oração modelo. A lição foi bem clara e taxativa. Não é por muito falar que seremos ouvidos. Deus olha para a sinceridade que provém de um coração que estar em verdadeira comunhão com Ele, e isto é feito através da fé. Pense seriamente nisto.
Que tal fazer agora uma oração, a exemplo do Pai Nosso, sem fazer repetições pedindo a Deus em nome de Jesus que lhe abençoe e dando-lhe sabedoria para compreender melhor a Sua Palavra? Estamos orando por você.
Muito obrigado por acessar nosso Site. Indique a seus amigos.


Fonte de base
cpbmmp.6403

Obrigado por abrir a página deste site, indique a outros amigos seus. Estamos orando por você. Se caso surgir alguma dúvida, faça pergunta que lhe atenderemos com muito prazer.

0 comentários: