Estamos arrumando a casa...
Enquanto isso acompanhe as mudanças.

A Oração do Retos

11 de mar de 2007


Versículo de Meditação: “O sacrifício dos perversos é abominável ao Senhor, mas a oração dos retos é o Seu contentamento.” Provérbio 15:8

Certa ocasião um cristão foi procurado por um homem de grandes posses materiais e que naquela ocasião tinha aplicado meio milhão de dólares num negócio de “fácil rentabilidade”. Materialista, queria multiplicar seu capital não interessava como. No começo, tudo marchava bem. Recebeu com grande vantagem o dinheiro de volta da aplicação que tinha feito e reaplicou por três vezes. No espaço de um ano tinha praticamente duplicado seu capital. E seus olhos cresceram em cima da fortuna que se multiplicou assustadoramente. Na ânsia de ter mais e mais, e ainda não se contentando com o que tinha ganho, vendeu tudo que possuía e colocou-o no aparente investimento. As coisas, desta vez, não deram certo havendo uma reversão nos negócios e ele perdeu praticamente tudo.
Este moço procurou seu amigo cristão para lhe fazer uma proposta. E disse: “Se o senhor orar e Deus permitir que eu recupere meu dinheiro que perdi na aplicação, darei uma gorda oferta a sua igreja no valor de cem mil dólares”.
Evidentemente esse materialista não tinha nenhum conhecimento do ensinamento bíblico e muito menos do proceder cristão. Deixou-se arrastar pelo interesse do “ganho fácil”. Desta vez deu tudo errado e só depois do prejuízo que teve volta-se agora para Deus com um único interesse, recuperar o que perdeu, querendo fazer uma troca de favores com Ele.
O provérbio de hoje descreve esse tipo de pessoas. Avarenta, gananciosa, egoísta, amor excessivo ao dinheiro como única fonte de bem estar. Qualquer sacrifício que provém de um coração independente, rebelde e que segue suas próprias regras é considerado abominável ao Senhor. Cem mil dólares é considerada uma gorda oferta para qualquer igreja, mas não basta o que você sacrifica, por mais que aos olhos dos homens tenha um valor inestimável. Mas Deus não olha com o olhar humano, pois diz: “De que me serve a mim a multidão de vossos sacrifícios?... Quando vindes para comparecer perante mim, quem vos requereu o só pisardes os meus átrios?... Lavai-vos, purificai-vos, tirai a maldade de vossos atos de diante dos meus olhos; cessai de fazer o mal. Aprendei a fazer o bem; atendei à justiça, repreendei ao opressor; defendei o direito do órfão, pleiteai a causa das viúvas.” Isaias 1:11, 16 e 17. O que realmente importa é a pessoa ter uma vida de verdadeira consagração, demonstração de arrependimento e procurar fazer uma conversão em sua vida e não procurar fazer um “sacrifício” em valores em busca de outro maior. Deus não aprova esse tipo de sacrifício intencional.
“A oração dos retos é o seu contentamento”, afirma a segunda sentença do provérbio de hoje. Sabe o que Deus está dizendo? Que embora a oração seja geralmente expressa com palavras, a vontade humana de conhecer a Deus é considerada por Ele como uma oração sincera.
Deus nunca deixa de responder à atitude do coração sincero, mesmo que não tenha ainda saído uma única palavra da boca daquele que procura fazer sua vontade. O sacrifício é algo exterior. A vontade de conhecer a Deus e seguir os Seus conselhos é interior. O primeiro é visto pelos homens, a segunda é ouvida e atendida por Deus.
Procure a Deus não para fazer negócio, mas para confessar fraquezas, falhas as imperfeições de sua vida, procure mesmo nas horas mais escuras e tenebrosas, na sua Palavra encontramos inúmeros conselhos para aqueles que O procura. Ore, reserve um tempo para uma conversa a sós com o Senhor. Toda pessoa sábia ora pelo menos quinze minutos diários, a menos que esteja muito ocupada. Se este for o caso, precisa orar o dobro.
Não existe pessoa derrotada em Cristo. Seja sincero no seu relacionamento com Ele e honesto na sua adoração, porque: “O sacrifício dos perversos é abominável ao Senhor, mas a oração dos retos é o Seu contentamento”. Que o Senhor Jesus esteja contigo. Amém.

Fonte de base
cpbmm07p46

Obrigado por abrir a página deste site, indique a outros amigos seus. Estamos orando por você. Se caso surgir alguma dúvida, faça pergunta que lhe atenderemos com muito prazer.
Entre em contato Conosco: professornonato@oi.com.br

0 comentários: